Tempo de leitura: 3 minutos

Você possui um programa de incentivo de vendas em sua empresa que não está dando os resultados esperados? Então talvez seja hora de mudar sua estratégia. Comece pensando na resposta para a seguinte pergunta: seu programa de incentivo ou relacionamento se adequa aos millennials?

Ainda que as equipes de trabalho sejam formadas por gerações diferentes, ultimamente o mercado tem estado alerta. Todo essa atenção é voltada para os millennials. Eles se tornaram a geração mais populosa em todo o planeta. Em pesquisa realizada pelo Pew Research Center, foi identificado que profissionais dessa geração irão dominar os postos de trabalho nas próximas décadas.

O que os motiva?

Eis, então, a importância de conhecer as características desses indivíduos para entender o perfil da geração. E, consequentemente, engaja-los conforme suas preferências e necessidades. Se o seu negócio possui em sua força de vendas um número elevado de pessoas dessa faixa etária, vale a pena pensar em investir em um programa de incentivo de vendas para mantê-los motivados, mas com os recursos certos.

Antes de falar sobre as estratégias para manter os millennials engajados, vamos entender mais sobre essa geração.

Millennials e as diferenças com as gerações anteriores

Com idades que variam entre 20 e 35 anos, os millennials são diferentes dos seus pais, os baby boomers. Ou ainda indivíduos nascidos entre as décadas de 1960 e 1970, pertencentes à geração X.

Baby boomers são empenhados em se manter num emprego fixo e estável. Por isso, geralmente são focados no tempo de trabalho para a obtenção de vasta experiência. Já a geração X é mais resistente a mudanças bruscas. Gostam de estabilidade e equilíbrio. Optam assim pela tranquilidade à uma vida movimentada.

Os millennials, por sua vez, são empreendedores. Sentem-se desafiados constantemente. Afinal, têm a necessidade de vivenciar novas experiências profissionais de forma rápida e regular. Isso para ampliar sua capacidade de inovação e tentar alcançar níveis hierárquicos superiores.

Times heterogêneos

Não estamos dizendo aqui que uma geração é melhor que a outra. Porém é inegável que o relacionamento entre elas pode não ser tão simples. Uma vez que os valores almejados por essas três gerações são diferentes. Principalmente no que diz respeito ao perfil profissional.

Nesse caso, a empresa que possui uma equipe de vendas heterogênea pode contar com o apoio da tecnologia para impulsionar diferentes perfis geracionais com um mesmo ponto de contato, no caso um programa de incentivo de vendas. Portanto, com os recursos certos é possível incentivar não apenas millennials, como indivíduos de outras gerações.

Como adequar um programa de incentivo de vendas para os millennials?

O instituto Deloitte realizou uma pesquisa com líderes internacionais de 29 países sobre o perfil dos millennials nos negócios. Nela, foi identificada que eles estão mais interessados em saber como as empresas investem nas pessoas, dando importância ao modo como gestores e diretores se relacionam com eles, com base em seus comportamentos.

Nesse caso é possível conhecer seu perfil e estimular comportamentos. Tudo por meio de um programa de incentivo e relacionamento. E, claro, a partir das reações do usuário e das respostas inseridas nos canais de comunicação disponíveis. Além disso, esse tipo de recurso também pode constituir uma base de dados importante. As informações registradas podem auxiliar gestores no desenvolvimento de ações futuras. Consequentemente, aumentar a inteligência do negócio.

Heavy users

Em outro momento, tanto a Deloitte quanto o PwC conduziram pesquisas que apontaram os millennials como heavy users de ferramentas tecnológicas. Essa geração prefere manter contato com outros colegas de trabalho e até mesmo desenvolver suas tarefas por meio de dispositivos. Afinal, isso se deve ao fato de terem nascido em contextos históricos com larga ocorrência do boom tecnológico.

Mais recentemente, os millennials adotaram os canais mobile como o principal meio para se relacionar com outros membros da equipe. Portanto, utilizam smartphones em vez de formas tradicionais e analógicas de conversação.

O engajamento da força de vendas composta por millennials também pode ser garantido no programa de incentivo de vendas com o apoio de estratégias de gamificação, baseadas em mecânicas de jogos. Por meio de desafios, quizzes e pontuações com direito a concessão de badges e rankings é possível capacitar sobre produtos e serviços comercializados, oferecer treinamento. Além disso, estimula a competição saudável entre os membros da equipe.