Tempo de leitura: < 1 minuto

Em mais um impulso na digitalização do varejo, uma das maiores redes britânicas de supermercados, a Tesco, anunciou a criação de 16 mil novos empregos permanentes para seu setor de operações online. As funções incluem montadores de pedidos e motoristas para entregas, entre outras vagas. A companhia estima que o e-commerce deste ano ultrapasse 5,5 bilhões de libras (acima das 3,3 bilhões de libras de 2019).

Antes da pandemia, cerca de 9% das vendas da Tesco eram digitais, segmento que agora representa mais de 16% dos negócios. Segurança e comodidade são as tônicas das compras online, incluindo as de supermercado, mas custos de delivery e user experience (UX) nos canais de compras serão diferenciais e pontos cada vez mais importantes na fidelização dos clientes.

ACESSE O CONTEÚDO COMPLETO