Tempo de leitura: < 1 minuto

Segurança e comodidade estão entre os itens essenciais na experiência do cliente. Isso fica evidente no relatório apresentado esta semana pela Associação Brasileira de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs). Nele, um dos principais dados é o do crescimento de 469,6% nos pagamentos por aproximação (Near Field Communication-NFC), ou sem contato, em 2020, movimentando R$ 41 bilhões, contra R$ 7,2 bilhões, em 2019.

Outro destaque foi o aumento de 32%, ano a ano, nas compras não presenciais, com R$ 435,6 bilhões gastos. Apenas no quarto trimestre de 2020, uma de cada três transações com cartão de crédito foi não presencial – a digitalização da vida turbinada pela pandemia. Especialistas apostam que com o sistema PIX de pagamentos e o aumento do limite de compras por NFC, essas modalidades devem continuar crescendo em 2021. 

ACESSE O CONTEÚDO COMPLETO